Desporto

Piloto vilaverdense chega ao pódio no Nacional de Enduro

Nuno Freitas regressou em grande ao Campeonato Nacional de Enduro (CNE), alcançando o 2º lugar na categoria de Veteranos. O piloto da equipa vilaverdense ‘Fremoto – Peçaqui – Município de Vila Verde’ é a prova viva de que ‘quem sabe nunca esquece’, já que, após uma ausência de oito anos dos palcos nacionais, teve um retorno triunfante na primeira prova da edição de 2015 do CNE, que se realizou a 8 de Fevereiro, na Vila de Góis.

O piloto, que correu numa KTM 350 EXC-F de 2015, mostrou-se bastante agradado com o resultado obtido no regresso à competição. “Arranquei para este Enduro na expectativa, pois estive 8 anos afastado do CNE e não tinha noção do nível em que me encontrava. Fiquei surpreendido quando percebi que me colocava sempre entre os 20 primeiros da geral e em todas as especiais ultrapassei pilotos mais lentos, que me fizeram perder alguns segundos”, afirmou Nuno Freitas, que terminou a prova a 48,9 segundos do primeiro classificado da sua categoria.

A qualidade da mota e o trabalho da sua equipa também foram destacados pelo atleta. “É uma máquina espectacular, a melhor que alguma vez tive. E, claro está, a preparação por parte da Fremoto foi excelente, pois não tive qualquer percalço ao longo dos 143 km e quase seis horas de corrida”, vincou. Os amantes das duas rodas podem seguir o piloto já na prova de Caminha, a 1 de Março, a contar para o Troféu Luso-Galaico. O CNE prossegue depois em Castelo Branco, no dia 8 de Março.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo