País

Municípios do Norte escolhem Jorge Nunes para gestor do Portugal 2020 na região

A Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) vai indicar o ex-presidente da Câmara de Bragança António Jorge Nunes para o cargo de vogal da Comissão Diretiva do Programa Operacional (PO) Regional do Norte, anunciou hoje Manuel Machado.

“Vai ser esse o nome, o do engenheiro António Jorge Nunes, que vai ser indicado ao Governo para nomear, visando a constituição do PO Regional Norte que é urgentíssimo por em funcionamento”, disse à Lusa o presidente da ANMP, Manuel Machado.

A escolha decorreu por votação secreta e a foi feita por maioria qualificada, numa reunião de autarcas da região Norte que decorreu esta manhã em Santo Tirso, concelho do distrito do Porto.

Estiveram presentes 78 presidentes e/ou representantes de câmaras nortenhas das 86 que integram a área territorial da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N).

À saída da reunião, Manuel Machado sublinhou que esta reunião foi “amplamente participada”, vincando que o processo decorreu de forma “democrática e franca”.

“Está feita uma nova escolha e espero que não se repita a saga”, disse Manuel Machado, quando questionado sobre o facto de anteriormente o Governo ter recusado a indicação de Carlos Duarte.

“Espero sinceramente que não se repita o que aconteceu anteriormente que é uma situação desagradável que a nosso ver devia ter sido evitada”, disse o presidente da ANMP, acrescentando que as razões do Governo “não foram esclarecidas e geraram-se equívocos”.

Manuel Machado vincou que “por lei a ANMP indica uma pessoa para integrar cada PO Regional”, uma “prerrogativa” de que esta entidade “não abdicará”, garantiu.

Além de António Jorge Nunes (ex-autarca de Bragança, eleito pelo PSD) esteve sobre a mesa a hipótese de escolher o socialista António Magalhães, ex-presidente da autarquia de Guimarães, mas sobre esta matéria Manuel Machado escusou-se a fazer comentários.

“O único nome que eu refiro agora é o que foi escolhido e vai ser indigitado pela ANMP”, concluiu.

Na prática António Jorge Nunes terá a pasta da gestão de fundos comunitários destinados à região Norte no programa Portugal 2020.

Compete à ANMP “indigitar os vogais para as comissões diretivas dos PO regionais”, cabendo ao Governo “nomear e exonerar”.

Sobre datas para que todo o processo fique concluído, o presidente da ANMP disse que “carta formal vai seguir de imediato”, mas não quis apontar um prazo porque “a decisão última a cargo do Conselho de Ministros” terá “procedimentos a cumprir”.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo