Cultura

Bullire promoveu mais uma jornada de descoberta do património cultural da região

O tempo acinzentado não demoveu a vontade de mais de uma dezena de participantes, que resolveram juntar-se à Bullire – Associação Cultural de Vila Verde em mais uma jornada de descoberta do património cultural da região.

A actividade, inserida na rubrica ‘Hoje vamos ao museu!’, decorreu no passado dia 15 de Fevereiro e levou os participantes a conhecerem o Museu do Linho, em Marrancos, e o Museu do Brinquedo, em Ponte de Lima.

Pouco passava das nove da manhã quando os primeiros carros chegaram ao ponto de encontro, a Antiga Adega Cooperativa de Vila Verde. A primeira paragem foi na freguesia de Marrancos, onde o Museu do Linho dá aos visitantes a possibilidade de conhecerem pormenorizadamente o processo de produção do linho, desde a sementeira até ao tear (e aos belos bordados tão característicos da nossa região). Foi uma viagem de descoberta de um saber ancestral minhoto, um legado cultural preservado e imortalizado para usufruto das gerações vindouras.

Foto: Vitor Santos

Foto: Vitor Santos

De acordo com os responsáveis pelo espaço, a materialização do Museu do Linho é também “a expressão de uma homenagem a todos quantos se dedicaram a este prestimoso ofício e aos que, ainda hoje, lutam pela sua sobrevivência e permitem, através deste valioso património cultural, enriquecer a nossa vida e a nossa existência”.

De seguida, já em Ponte de Lima, os chuviscos ditaram que os almoços volantes ficassem nas respectivas mochilas e o repasto foi à base de arroz de sarrabulho e rojões, um dos ícones da gastronomia Limiana. Para a parte da tarde estava reservado um pequeno passeio pelo centro da vila, que, apesar do mau tempo, fervilhava de vida.

Depois foi tempo de conhecer o Museu do Brinquedo Português. Desde as primeiras décadas do século XX até às produções mais modernas, o espaço leva-nos numa viagem pelo tempo carregadinha de nostalgia para os mais velhos e de entusiasmo para a pequenada. É um espaço aprazível para pessoas de todas as idades, tal a variedade de brinquedos que se pode encontrar no museu.

Nota de imprensa da Bullire

A Bullire – Associação Cultural de Vila Verde é um projecto associativo que nasceu da vontade de um conjunto de jovens Vilaverdenses com o intuito de dinamizar o espectro cultural de Vila Verde apelando à participação de todos os Vilaverdenses. Torne-se sócio da Bullire!

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo