Esposende

Saída de Paulo Portas de Esposende provocou um ferido e lançou o caos nas ruas de Fão

Partilhe esta notícia!

Foi tudo menos pacífica a presença de Paulo Portas, vice primeiro ministro o líder do CDS-PP, em Esposende, esta tarde de domingo. No âmbito da “Escola de Quadros” dos centristas que decorreu no Hotel Axis em Ofir, Vila de Fão, foi marcada para o exterior mais um protesto dos lesados do BES.

À saída de Paulo Portas do hotel, com proteção policial e da Juventude Popular, a confusão foi lançada, com vários manifestantes a tentar impedir que o carro que transportava Paulo Portas andasse. Mas sem sucesso.

Já com reforço policial, Paulo Portas escapou e pelo meio um manifestante acabou por tombar e ficar ferido. Foi socorrido pelos Bombeiros de Fão que foi chamado ao local. GNR e manifestantes envolveram-se me empurrões e troca de “mimos” mais sérios. Segundo fonte da GNR de Braga ninguém foi detido.

FOTOS: SIC

Manifestantes do BES em fúria

Manifestantes do BES em fúria

Comentários

topo