Braga

“Operação Circular” da ASAE passou por Vila Verde e apreendeu produtos de carne e de pesca congelados

Partilhe esta notícia!

Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) fiscalizou, ontem durante o dia todo, 1325 viaturas na “Operação Circular”, A situação decorreu no país todo e passou pelo distrito de Braga, nomeadamente na capital e acessos, como caso do concelho de Vila Verde onde decorreu uma das operações de fiscalização da ASAE.

Segundo dados fornecidos pela ASAE, a operação teve por objetivo verificar as condições de transporte de mercadorias em circulação (bens alimentares e não alimentares) nas principais vias de acesso aos grandes centros urbanos, industriais e mercados abastecedores.

No âmbito desta operação, realizada em cerca de 50 locais, foram verificadas as condições higio-sanitárias de transporte, o controlo de temperatura e a rotulagem dos produtos e a documentação de acompanhamento de mercadorias.

Durante a ação, desenvolvida em colaboração com a PSP e a GNR, foram fiscalizadas 1325 viaturas, tendo sido controladas mais de 1500 toneladas de produtos diversos (carnes, pescado, hortofrutícolas, produtos de padaria e pastelaria, bebidas, têxteis e calçado, produtos da construção entre outros), tendo sido instaurados 17 processos de contraordenação e apreendidas cerca de 9 toneladas de produtos (carnes frescas, congeladas, produtos à base de carne e produtos da pesca congelados), destacando-se como principais infrações o incumprimento dos requisitos gerais e específicos de higiene, a falta de condições de veiculo para transporte de géneros alimentícios e a falta de controlo metrológico de equipamento de registo de temperatura.

Durante a ação de fiscalização foi ainda instaurado um processo-crime por desobediência, dado ter sido detetada mercadoria proveniente de um entreposto não autorizado (alvo de fiscalização anterior da ASAE), verificando-se ainda que o veículo não possuía condições de frio para transporte de produtos alimentares.

Ainda na sequência de um acidente de viação na A1, de uma viatura que transportava carne fresca de aves, e após realização de perícia, foram apreendidas cerca de 4 toneladas de carne e por decisão do operador económico foram encaminhadas para subprodutos.

Captura de ecrã 2015-09-19, às 15.41.26

Captura de ecrã 2015-09-19, às 15.40.57

Captura de ecrã 2015-09-19, às 15.40.18

Comentários

topo