Braga

Refugiados e práticas de integração em discussão na UMinho

Partilhe esta notícia!

A delegação da Universidade do Minho da ELSA – Associação Europeia de Estudantes de Direito organiza esta quinta-feira, dia 5, às 9h30, a conferência “A fuga para a Europa: Pelos refugiados?”.

A iniciativa conta com a parceria da Amnistia Internacional, tendo lugar no auditório nobre da Escola de Direito, no campus de Gualtar, em Braga.

A sessão inclui as intervenções de Luís Filipe Guerra, do Observatório dos Direitos Humanos, Cristina Gatões, do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Maria do Céu Pinto e Assunção do Vale Pereira, professoras de Relações Internacionais e de Direito Internacional Público na UMinho, respetivamente, além de uma representante da Amnistia Internacional-Braga, entre outros.

“Este evento pretende avaliar as implicações político-sociais desta vaga que colocou à prova a Europa e a política da União Europeia e do espaço livre”, explica a organização. Há mais informações em www.elsauminho.com.

Políticas de migração amanhã em debate

Entretanto está agendada a aula aberta “Migrações e Refugiados na Europa: Práticas de Integração e Migração Cultural”, que decorre amanhã, dia 3, às 14h00, no anfiteatro 104 do Complexo Pedagógico II, também no campus de Gualtar. Conta com a presença de Sónia Diz Rodrigues, coordenadora do Centro de Apoio à Integração de Imigrantes da Cruz Vermelha Portuguesa – Braga, e Ana Maria Silva, investigadora do Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da UMinho. A iniciativa realiza-se no âmbito da unidade curricular “Metodologias das Ciências Sociais”, integrada na licenciatura em Sociologia do Instituto de Ciências Sociais. A entrada é livre.

Comentários

topo