Destaque

Município de Vila Verde investe 400 mil euros em LED´s para promover a eficiência energética

Partilhe esta notícia!

Um investimento a rondar os 400 mil euros, que engloba a alteração das tradicionais lâmpadas de iluminação pública pela tecnologia LED e a instalação de reguladores de fluxo em diversos ramais, representa uma forte aposta na melhoria da iluminação de vias e espaços públicos de Vila Verde e será responsável a curto prazo por elevados benefícios ambientais.

O investimento, que tem vindo a ser realizado no âmbito do projeto “Mais Eficiência Energética na Iluminação Pública do Cávado”, e que afeta mais 4000 pontos de luz pública, para além da introdução de lâmpadas com a tecnologia LED, vai proporcionar um processo de regulação da intensidade luminosa em vários momentos noturnos, contribuindo para uma relevante economia de recursos financeiros e um impacto muito positivo no ambiente, sem comprometer a qualidade da iluminação pública.

O Presidente da Câmara Municipal de Vila Verde,  António Vilela, na sequência da visita que realizou para acompanhar bem de perto mais um esforço significativo na modernização das infraestruturas e equipamentos públicos municipais, salienta que “este investimento terá o seu retorno a breve prazo”.

“Vai permitir canalizar as verbas poupadas para outros investimentos fundamentais para a modernização do concelho e melhoria das condições de vida da população, ao mesmo tempo que se repercutirá numa redução de emissões de dióxido de carbono, daqui resultando também ganhos substanciais em matéria de qualidade ambiental”.

No seguimento da aprovação de uma candidatura apresentada pela Comunidade Intermunicipal) CIM Cávado ao Programa Operacional de Valorização do Território (POVT), o edil Vilaverdense considera também que “a poupança de dinheiros dos contribuintes e a promoção da qualidade ambiental são dois desideratos fundamentais perseguidos pela gestão camarária, no território do concelho de Vila Verde.

“Aos quais se associa a concretização do objetivo de modernizar a rede de iluminação pública na rede viária e nas diferentes freguesias do concelho e de sensibilizar a população em geral para a importância da adoção de medidas e ações amigas do ambiente”, afirma o edil.

O Presidente da Câmara Municipal de Vila Verde aduz ainda que “a redução da fatura energética, tanto na iluminação como nos edifícios públicos, é um imperativo político e ambiental e todos devem associar-se a iniciativas desta natureza para se promover um efetivo desenvolvimento sustentável do território.”

Comentários

topo