Braga

Hugo Pires pediu levantamento da imunidade parlamentar para colaborar com justiça

A Comissão de Ética da Assembleia da República procedeu esta quinta-feira ao levantamento da imunidade parlamentar do deputado Hugo Pires, anterior presidente da Comissão Política desta estrutura concelhia, acedendo, assim, à vontade manifestada pelo próprio para que possa colaborar com a justiça no esclarecimento de um processo judicial que o envolve enquanto vereador da Câmara Municipal de Braga no mandato autárquico de 2009/2013.

O processo em causa respeita ao designado “caso das Convertidas”, em que, enquanto vereador da tutela do Urbanismo e Juventude, tomou a iniciativa de propor a expropriação de umas parcelas de terreno situadas na Avenida Central para aí ser instalada a nova Pousada de Juventude da cidade, expropriação que não chegou a consumar-se.

Levantada que foi a imunidade parlamentar, Hugo Pires aguarda agora a notificação do Tribunal para ir prestar depoimento, o que fará com a consciência tranquila de não ter nunca proposto ou participado em qualquer deliberação que causasse intencional dano ao erário público ou particular.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo