Desporto

A vitória do Braga estava no banco

Partilhe esta notícia!

(crónica) Faltavam 15 minutos para o final da partida. O coração da pedreira batia desenfreadamente, à espera do golo. Kieszek negou-o por várias vezes. Com o empate do Vitória de Guimarães em Tondela e a derrota caseira do FC Porto, garantir três pontos e cimentar o quarto lugar era mais importante do que nunca.

Foram as substituições a dar o mote para a mudança na postura do Arsenal do Minho. Aos 77′, Pedro Santos entrou. Dois minutos depois cruzou e colocou a bola na área. Rui Fonte finalizou com um remate de cabeça. Golo!

Aos 83′, Hassan foi lançado por Alan para um remate certeiro à baliza. Ambos os jogadores entraram na segunda parte: Alan substituiu Josué aos 59′ e Hassan entrou para o lugar de Stojlikovic, aos 63′.

2-0. Ficou assim resolvido um encontro que esteve para acabar em nulo. Mas o segredo esteve sempre no banco. O Sporting de Braga isolou-se no quarto lugar com 39 pontos, ficando a sete pontos do terceiro lugar da tabela classificativa, o FC Porto. Já o Estoril Praia está em décimo primeiro, com 23 pontos.

Foto: Facebook Sporting Clube de Braga 

 

Comentários

topo