Braga

UMinho faz 42 anos e celebra com sessão solene

A Universidade do Minho (UM) faz 42 anos na próxima quarta-feira (17 de fevereiro) e começa as celebrações a partir das 10:00 horas, com uma sessão solene no salão medieval do Largo do Paço, em Braga. Durante a cerimónia, vão intervir o reitor, António M. Cunha, o presidente da Associação Académica, Bruno Alcaide, o presidente do Conselho Geral, Álvaro Laborinho Lúcio e o ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor.

O evento conta ainda com o cortejo académico, a atribuição do doutoramento honoris causa a Gene Grossman, um dos mais prestigiados economistas mundiais, que é professor da Universidade de Princeton (EUA). Serão também entregues o Prémio de Mérito Científico, a Medalha da Universidade aos funcionários mais antigos, os Prémios Escolares e as Cartas Doutorais. Os momentos musicais estão a cargo do Coro Académico da UMinho, acompanhado pelo Quinteto de Metais, formado por alunos do Departamento de Música, sob a direção do maestro Rui Paulo Teixeira.

A partir das 18:30 horas, também no Largo do Paço, decorre a II Conferência Alumni, que terá um jantar de convívio com 150 ex-estudantes da instituição, no qual estará presente o ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, que foi também professor da Escola de Economia e Gestão da UM.

O programa de comemorações integra também um concerto especial com a obra “A Criação”, do compositor austríaco Joseph Haydn. Sobem ao palco a Orquestra da UMinho e o Coro de Alunos da Licenciatura em Música da UMinho, acompanhados pelos solistas Ana Maria Pinto (soprano), João Terleira (tenor) e Nuno Dias (baixo). A direção está a cargo do maestro Hans Casteleyn. Os espetáculos realizam-se esta segunda-feira (15 de fevereiro) às 21:30 horas, no salão medieval da Reitoria, e no dia seguinte, às 22:00 horas, no Centro Cultural Vila Flor, em Guimarães.

Foto: DR

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo