Região

Antiga EB1 de Vieira do Minho vai gerar 400 postos de trabalho com “call-center” da Altice

Partilhe esta notícia!

 

O grupo de telecomunicações Altice, que adquiriu a PT Portugal, vai gerar entre 300 a 400 postos de trabalho em Vieira do Minho já em novembro deste ano. O motivo é a instalação do segundo call-center da empresa no concelho, que vai ficar sediado no edifício da antiga EB1 de Vieira do Minho, que vai ser recuperado e ampliado para acolher também uma incubadora de empresas.

O Município de Vieira do Minho assume o investimento das obras, sendo que a empresa francesa vai pagar uma renda pela utilização do edifício.  Fonte municipal adiantou esta terça-feira que a empreitada foi adjudicada por 1,1 milhões de euros. De acordo com a câmara vieirense, a conclusão dos trabalhos está prevista para novembro.

Os trabalhos de requalificação e adaptação da EB1 contemplam demolição do interior, colocação de piso técnico novo, tetos em pladur acústico, instalação de rede elétrica, rede de dados e rede telefónica, bem como a instalação de um sistema de AVAC (ventilação, aquecimento e refrigeração do espaço), pintura e criação de salas de formação e reunião.

A intervenção contempla ainda a acoplação de um edifício novo, construído de raiz em betão armado, com cave, dois pisos e open space.

O novo edifício prevê ainda construção de uma cave subterrânea com 30 lugares de estacionamento e 1100 metros quadrados de área no rés-do-chão. Este edifício vai contemplar a criação de salas de informática, salas de formação, copa de refeições, instalações sanitários para pessoas com mobilidade condicionada, jardim de inverno para fumadores e receção. No primeiro piso será criada uma ligação com o edifício escolar.

De recordar que a Altice já abriu em Vieira do Minho um primeiro call-center onde, de acordo com o edil de Vieira do Minho, António Cardoso, trabalham 105 pessoas, número que pode vir a crescer até 160. Armando Pereira, um dos quatro sócios fundadores do grupo Altice é natural de Vieira do Minho (Guilhofrei) e detém 30% da empresa de telecomunicações.

Fotos: Facebook Município Vieira do Minho

Novo call center da Altice em Vieira do Minho projeto

 

 

Comentários

topo