Destaque Vila Verde

Em Cabanelas houve 100 razões para celebrar: Dona Maria já tem 100 anos

Escrito por Ariana Azevedo

Foi na terça-feira (15 de março) que chegou aos três dígitos, mas foi na tarde de sábado (19 de março) que houve verdadeiro espírito de festa em Cabanelas. A sempre “jovem” Maria da Silva Oliveira, amavelmente conhecida e tratada por Maria “Manhente”, foi ontem a rainha da aldeia, numa festa preparada pela comunidade, envolvendo a paróquia, a junta de freguesia e a conferência vicentina.

As cerimónias deste festejo começaram às 15:30 horas, com a celebração de uma missa de ação de graças pelo feito alcançado na Igreja Paroquial de Cabanelas, cantada pelo grupo coral da Capela de Nossa Senhora da Conceição, que de uma forma solidária também se associou ao evento.

Depois, rodeada de familiares e amigos, Dona Maria soprou as velas. Não eram 100, mas três, que representavam igual número. Também a concertina do Rancho Folclórico de Santa Eulália de Cabanelas surpreendeu os presente e se fez representar para ajudar a cantar em uníssono os parabéns da praxe.

Muitos quiseram entregar lembranças simbólicas, quer a título individual, quer de instituições quer a título particular. Também o município de Vila Verde se fez representar neste ato, através da vereadora Júlia Fernandes.

De recordar que as páginas centrais da edição 10 do Semanário V é também dedicada a Dona Maria, através da reportagem “100 aos 100: 100 anos e 200 razões para celebrar”.

12499460_10204333207050827_87906877_o

12837635_10204333206450812_343030117_o

12874670_10204333207010826_1225099970_o

12674794_10204333207090828_1356441580_o

 

Comentários

Acerca do autor

Ariana Azevedo

Jornalista