Destaque

“Fantasma” vandaliza paredes da Câmara de Vila Verde

Partilhe esta notícia!

Uma das paredes exteriores do edifício que alberga a Câmara de Vila Verde foi vandalizada durante esta madrugada de terça-feira. Assinado por “Fantasma”, na inscrição podia se ler na perfeição “Homem, ser monstruoso”.

Outra palavra está inscrita antes da frase, mas no local as opiniões dividam-se entre “Diviminho” e “Dicionário”.

“Seja o que for não deixa de ser vandalismo e isto não se faz”, afirmou Pedro Pereira, que observava, com grupo de amigos “a obra”.

Entretanto a autarquia já mandou tapar a frase e ao início tarde um indivíduo pintava a parede.

 

Comentários

topo