Braga

Vilela acompanhou a cavalo peregrinos de Santiago

Partilhe esta notícia!

O presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela, acompanhou, este sábado, a segunda etapa, Ponte de Lima a Paredes de Coura, da peregrinação a Santiago de Compostela. A singularidade desta peregrinação reside no facto destes peregrinos percorrerem o Caminho de Santiago a cavalo.

A iniciativa partiu da Associação Cultural dos Amigos do Cavalo de Passo Travado, com sede em Coucieiro, Vila Verde, em colaboração com o Município de Vila Verde e a Associação Espaço Jacobeus de Braga.

Luis Antunes, representante da Associação que se dedica à promoção da arte equestre, referiu que “tem vindo a preparar os cavalos ao longo dos últimos meses”.

“Estão prontos para o desafio, até porque a peregrinação vai ser realizada por etapas em vários fins de semana”, disse.

O Município de Vila Verde dará apoio logístico ao longo de todo o Caminho, em território português e espanhol. António Vilela vê na iniciativa “uma oportunidade de promoção”.

“Uma vez mais este Caminho secular cheio de potencialidades culturais e económicas que o Município de Vila Verde tem valorizado mais intensamente desde 2011, ano em que abriu o Albergue de Peregrinos S. Pedro de Goães”, destacou o edil.

Além disso, o Município atribuiu uma verba de mil euros para ajudar nas despesas de toda a logística, nomeadamente transporte e alimentação dos cavalos.

A primeira etapa que teve início na cidade de Braga e contou a colaboração do Município de Braga e do Cabido da Sé, teve paragem obrigatória no Albergue de Peregrinos S. Pedro de Goães, em Vila Verde, para carimbarem as credenciais e peregrinos e cavalos recuperarem forças até ao final da etapa em Ponte de Lima.

A segunda etapa, que contou com “um novo” cavaleiro, o edil vilaverdense, realizou-se entre Ponte de Lima e Paredes de Coura.

 

Comentários

topo