Região

Demissão de 41 bombeiros voluntários em Famalicão reduz corporação em 30 por cento

Dias tumultuosos no seio da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Famalicão (AHBVF), durante esta semana, após decisão de 41 bombeiros voluntários anunciarem demissão daquela corporação.
Segundo comunicado à imprensa, o grupo de 41 elementos apresentou um pedido de licença operacional, cessando assim atividades. No mesmo comunicado, o grupo acusa a direção de “erros graves” e de “desrespeitar os voluntários”, como motivo para abandonar a corporação.

João Coelho, presidente da AHBVF, desvalorizou o ato, embora se mostrasse surpreendido, dizendo que foi apenas um pequeno número de voluntários q mostrou insatisfação.

O corpo ativo dos bombeiros voluntários de Famalicão era constituído por 130 elementos, vendo assim uma redução de 30% dos seus quadros.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo