Braga

“Calor” é a justificação para mais de sete horas de espera no Hospital de Braga

Partilhe esta notícia!

O PCP denunciou que utentes com “prioridade urgente” tiveram que esperar “mais de sete horas” para serem atendidos no dia 01 de agosto no Hospital de Braga, explicando que o atendimento àqueles doentes era assegurado apenas por um médico. Numa pergunta dirigida ao ministro da Saúde, a deputada do PCP eleita pelo círculo de Braga, Carla Cruz, denunciou ainda a “escassez” de macas e cadeiras de rodas, assim como de água nas máquinas dispensadoras do Hospital de Braga.

(Notícia completa na edição nº31 do Semanário V, já nas bancas)

Comentários

topo