Destaque

José Morais manda o presidente da Câmara de Vila Verde “dobrar a língua” quando fala do PS

Partilhe esta notícia!

“O Senhor vai dobrar a língua quando fala do PS”. Esta foi a resposta do vereador Socialista, José Morais, depois de António Vilela ter acusado o PS de utilizar fotografias de lixo em Coimbra para as publicar – através do grupo do facebook “Por Vila Verde”  – como sendo de Vila Verde.

“Talvez as fotografias tenham sido obtidas antes da passagem do camião ou então em algum concelho vizinho como o PS já fez no passado”, afirmou António Vilela.

Ora José Morais negou tal acusação e disse ao presidente da Câmara de Vila Verde para “dobrar a língua quando fala do PS”.

O debate aqueceu quando o PS questionou o presidente sobre as recolhas do lixo. “Constatei, e foram vários os vilaverdenses que o fizeram, partilhando nas redes sociais onde se pode ver lixo amontoado junto aos novos contentores, instalados pelo município”, referiu , José Morais.

Segundo o vereador, a rota da recolha do lixo é insuficiente e prejudicial para a saúde dos habitantes de Vila Verde.

” Considera que a empresa está a cumprir a cláusula e a recolha de lixo é suficiente, e já notificou a empresa?” questionou o vereador socialista.

Segundo António Vilela, a empresa de recolha de lixo, contratada pela Câmara, desenvolveu um plano de ação que está a aplicar durante os meses de verão e que incluem um reforço das recolhas diárias para além de realizar recolhas perante feriados e fins de semana.

Para o edil, a Braval tem tido uma recolha ineficiente, aconteceu também como acontece perto dos contentores de reciclagem e diz respeito a lixo residual que não tem sido recolhido em tempo oportuno pela Braval apesar da insistência do município para com a empresa.

“O Município tem insistido com a empresa para que comunique o atraso”, finalizou António Vilela.

Comentários

topo