Destaque

José Morais reforça “voto contra” do PS à intenção da câmara retirar verbas à luta contra incêndios florestais

José Morais, líder do PS de Vila Verde e vereador na câmara de Vila Verde, reforçou pleno desacordo com a António Vilela, edil , que pretende desinvestir na proteção civil com a retirada de 57 mil euros do orçamento, depois de mais uma modificação orçamental.

“Juntamente com os meus camaradas vereadores, Manuela Machado e Manuel Araújo, votamos hoje contra a 7ª Modificação Orçamental da Câmara de Vila Verde. O presidente da câmara retirou 57 mil euros à luta contra incêndios e 50 mil euros à recolha de lixo, para reforçar em 82 mil euros a Festa das Colheitas e em 8650 euros a Gala Namorar Portugal”, denuncia José Morais, que considera que “estes atos políticos estão em contra mão com as reais necessidades do concelho”.

“Vila Verde foi, nas últimas semanas, assolado por inúmeros incêndios que causaram tremendas perdas ambientais e materiais. A par desta situação calamitosa, é conhecido de todos os problemas que o concelho tem em matéria de recolha de lixo. Perante dois problemas concretos, o Presidente da Câmara tem a brilhante ideia de desinvestir nestas duas áreas, desviando as verbas para festas, festinhas e galas de promoção pessoal”, destaca José Morais, que “não se revê” na forma como está ser gerida a câmara.

“Estas não são as nossas prioridades para o Concelho de Vila Verde. Que isto fique bem claro”, frisou.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo