Destaque

Santa Casa de Vila Verde reviveu tradições do “amassar e cozer o pão”

Partilhe esta notícia!

A Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde reviveu as tradições costumes e proporcionou um dia “diferente e muito emotivo” para os utentes no sentido de comemorar o “Dia da Alimentação”.

Dando continuidade ao trabalho de humanização das relações pessoais, esta instituição fomentou ainda mais os laços entre os colaboradores e os utentes de várias valências com a “amassadela e cozedura” do pão à moda antiga.

Da parte da manhã, no refeitório do lar de Vila Verde, com a ajuda e preparação dos colaboradores, os utentes amassaram e prepararam o pão, para depois ir cozer nos fornos da padaria da instituição.

“Este espírito tem como objetivo estreitar relações entre os colaboradores e utentes das várias valências e reviver vivências de infância. Este dia é muito importante nos bons hábitos alimentares dos nossos utentes” referiu uma das responsáveis pela actividade na Santa Casa da Misericórdia.

Da parte da tarde, depois de “levedar”, foi tempo de misturar os condimentos. Sardinha, chouriço e bacon para condimentar as broas que no final ficaram deliciosas.

A Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde prima em não perder as oportunidades que surgem para fomentar o espírito de bom ambiente entre os utentes que, é um lema na Instituição. O provedor Bento Morais referiu que “ a Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde é um espaço de vivência”.

“Onde todos os colaboradores trabalham em prol de um ambiente de união e harmonia todos os dias. Obrigado a todos pela participação, e em especial às nossas colaboradoras por esta atividade tão especial”, disse, dando seguimento a uma palestra de bons hábitos alimentares para complementar e encerrar as comemorações do “Dia da Alimentação”.

Comentários

topo