Destaque

Tribunal. Homem de Azões “apanha” cinco anos por ameaçar os pais de morte

Um homem de 40 anos residente na freguesia de Azões, concelho de Vila Verde, foi esta semana sentenciado a cinco anos e dois meses de prisão efetiva pelo Tribunal de Braga.

O cidadão emigrado em França teria por hábito pedir dinheiro aos pais para consumir álcool quando vinha a Portugal, utilizando recurso a ameaça e violência.

O homem já havia sido condenado em 2016 pelos mesmos crimes e acabou por ficar em prisão domiciliária com pulseira eletrónica. No entanto, no passado mês de dezembro, o homem interrompeu um serviço litúrgico em Azões para ameaçar os pais de morte, caso não o deixassem ver o filho menor, que estava com eles na Capela de Santa Luzia, situação que causou grande aparato na freguesia.

O homem acabou por fugir antes da chegada da GNR, tendo sido agora condenado com o cúmulo dos vários crimes praticados contra os pais.

(Notícia completa na edição impressa do Semanário V, a 1 de fevereiro)

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo