Cultura

Cultura. 11ª edição do Boletim Cultural apresenta “toda uma memória” de Vila Verde

Foi apresentada nesta noite de sábado (28) a 11ª edição do Boletim Cultural de Vila Verde, com incidência para a religião, etnografia e cultura “senhorial”.

No boletim é possível aceder a vários tópicos relacionados com a memória vilaverdense através de textos de alguns historiadores e investigadores, como é o caso de Norberto Cunha, que teceu elogios à elaboração do Boletim.

“É uma forma de descentralizar de Lisboa, quando as próprias autarquias se preocupam em fornecer este tipo de informação aos municípes”, disse o professor da Universidade do Minho. “Gosto quando as autarquias saem do casulo e percebem que têm asas para voar”, disse ainda Norberto Cunha.

António Vilela e Júlia Fernandes, assim como o professor de Cervães, Aurélio Pereira também fizeram parte do painel que apresentou mais esta edição.

(Notícia completa na edição impressa do Semanário V, a 1 de fevereiro)

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo