Destaque

Lage. Capela Mortuária já arrancou mas autarca prefere outros investimentos

A freguesia da Lage arrancou recentemente com a construção de uma Capela Mortuária, situada nas imediações da Igreja Paroquial da Lage, mas Carlos Pedro Castro, presidente da junta, disse ao V que preferia investir noutro tipo de construção para a evolução da freguesia, cumprindo no entanto aquilo que classifica como “promessa antiga”.

“Se na Lage nascem 50 crianças por ano e morrem à volta de 20 pessoas, parecia-me mais lógico construir um parque de lazer para as crianças, que pode ser utilizado todos os dias, do que construir umas instalações que só se utilizam meia dúzia de vezes por ano”

A construção vai ter dois pisos, uma sala de velório para a religião católica na parte de cima e uma sala preparada para funerais que não sejam católicos no piso inferior assegurando ainda duas salas para arrumações de material da junta de freguesia, em investimento que ronda os 100 mil euros.

António Vilela visitou obras

António Vilela, edil de Vila Verde, visitou as obras de construção na passada terça-feira (7), classificando-as no entanto como um “anseio da população”.

(Notícia completa na edição impressa n.º 61 do Semanário V, já nas bancas)

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo