Destaque

Vila Verde. Complexo de Lazer encerra durante o mês de agosto e pode abrir só em dezembro

O Complexo de Lazer de Vila Verde vai estar encerrado durante todo o mês de agosto, podendo este encerramento prolongar-se inclusive até dezembro.

João Luís Nogueira, diretor da EPATV, que gere aquele espaço, confirmou o encerramento durante todo o mês de agosto ao V, dizendo que o “não avanço das negociações com a Câmara de Vila Verde levaram a isto”.

“Conforme foi tornado público em carta aberta enviada por mim ao vereador Patrício Araújo, a EPATV pretende terminar o contrato de concessão do espaço no dia 31 de julho, e como não chegamos a acordo, vamos encerrar por tempo indeterminado”, disse JLN ao V.

É habitual o encerramento do complexo durante algumas semanas para obras, nesta altura do ano, mas JLN diz que “não faz sentido a EPATV estar a pagar obras num complexo que tem de deixar em dezembro”.

É que em reunião de executivo municipal, em junho, foi deliberado que o contrato de concessão daquele espaço à EPATV seria terminado em dezembro deste ano, para que o município voltasse a gerir o espaço.

JLN diz “não fazer sentido” esperar até dezembro e quer cessar contrato já no dia 31 de julho.

“Estou de boa-vontade nestas negociações e espero conseguir chegar a acordo para que os utentes que estiveram connosco durante todo este tempo não saiam prejudicados”, disse o diretor da EPATV.

“Não vão ser os marcianos ou os extraterrestres que vão trabalhar naquele espaço”

JLN disse ao V que tem estado em negociações por causa dos trabalhadores do espaço, que desconhecem se vão manter o emprego, e que não foi chegado a acordo.

“Preocupa-me os nossos trabalhadores daquele espaço que não sabem se vão passar para o Estado”, aponta JLN, explicando que “já foram feitas várias reuniões com o vereador do Ambiente mas que não chegaram a qualquer acordo”.

“Não vão ser os marcianos ou os extraterrestres que vão trabalhar naquele espaço, por isso espero que a Câmara de Vila Verde os acolha como empregados”, disse ainda JLN.

“As negociações estão muito difíceis, mas estou de bovontade à espera que arranjem solução para os trabalhadores”, disse o diretor da EPATV ao V.

Utentes reclamam

Alguns utentes regulares das piscinas de Vila Verde já sabem da medida, devido a uma folha A4 afixada no complexo, que indica que o período de encerramento é durante todo o mês de agosto.

Um utente escreveu mesmo uma carta aberta “seja a quem for o responsável”, pedindo mais respeito pelos utilizadores que querem desfrutar do complexo “doze vezes por ano”.

(Notícia completa na edição impressa do Semanário V, a 26 de julho)

 

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo