Braga

Braga. Ligou para a PJ a ameaçar de morte e foi condenado a prisão efetiva

Um ano e oito meses de prisão para um homem de Fafe por ter, alegadamente, ameaçado de morte um inspetor da Polícia Judiciária de Braga.

Segundo o despacho do Ministério Público, o homem, que estava a ser investigado por ter disparado contra um serralheiro que acabou por ser atingido de raspão, ligou duas vezes para as instalações da PJ de Braga dizendo que iria matar o inspetor que o investigava.

O homem acabou por ser condenado a seis anos de prisão por tentativa de homicídio, no tal caso que estava a ser investigado.

Agora, nova condenação acresce pena de um ano e oito meses. O homem está recluso no Hospital Prisional de Caxias.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo