Região

Esposende. Mais de dois milhões para requalificar escola secundária

Redação
Escrito por Redação

A requalificação da Escola Secundária Henrique Medina, em Esposende, está em concurso público, por 2,1 milhões de euros, devendo os trabalhos arrancar no segundo trimestre de 2018, anunciou esta semana o município.

Em comunicado, o município acrescenta que o prazo de execução é de 700 dias.

Citado na nota, o presidente da Câmara de Esposende, Benjamim Pereira, sublinha que esta intervenção “é premente, atendendo ao evidente estado de degradação e de desgaste do complexo educativo”.

A obra será executada ao abrigo de um acordo estabelecido entre o município e o Ministério da Educação, constituindo a primeira intervenção de fundo daquela que é a única escola secundária do concelho de Esposende, construída há 36 anos.

A intervenção será financiada por fundos comunitários no montante de 1,9 milhões de euros, através do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial da Comunidade Intermunicipal do Cávado.

A fatia restante será suportada, em partes iguais, pelo município de Esposende, no distrito de Braga, e pelo Ministério da Educação.

O projeto contempla a substituição de todas as coberturas em fibrocimento, bem como a demolição do bloco oficinal existente.

Será construído de raiz um novo edifício que marca a entrada da escola, interligando os diferentes edifícios existentes.

O novo edifício integra, para além de espaço interior e exterior de receção, uma sala de projeção, biblioteca, secretaria e arquivo vocacionados para a receção e atendimento público, nomeadamente atendimento a encarregados de educação.

Na zona mais reservada, encontram-se os gabinetes da direção bem como instalações sanitárias e de descanso de pessoal não docente.

A intervenção passa ainda pela reformulação e ampliação do atual refeitório e do salão polivalente.

Esta obra chegou a estar prevista na quarta fase das intervenções definidas pela Administração Central, no âmbito do Programa de Modernização do Parque Escolar, com um orçamento estimado de cerca de 14 milhões de euros, mas não chegou a ser executada.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação