Destaque Vila Verde

Vila Verde. Martinho Gonçalves desafia PSD para acordo de mandato

Redação
Escrito por Redação

Martinho Gonçalves, líder do PS na Assembleia Municipal de Vila Verde, lançou um desafio ao executivo eleito pelo PSD para um “acordo de mandato” no que toca a discutir matérias onde a “vertente política” está menos presente e onde não houver a tradicional “divergência” de ideais.

Segundo o antigo deputado parlamentar do PS, um “acordo de mandato” poderá ajudar a uma “governação concelhia mais transparente e partilhada” e com isso “melhor desenvolver o concelho de Vila Verde”.

“Estamos disponíveis para dialogar e trabalhar conjuntamente para que possa ser obtido, no âmbito político dos respectivos partidos, um acordo de mandato que abranja as matérias onde a vertente política estará porventura menos presente e onde não há razões fortes de divergência”, aponta Martinho Gonçalves.

Para exemplificar esse intento, o histórico socialista recordou uma união entre os dois partidos no início da década de 90. “Sei muito bem que este modo de fazer política não é um hábito em Vila Verde”, invocando a “união” entre o PS que liderava e o PSD de Martinha Couto Soares.

Nesse sentido, é premissa dos socialistas apresentarem “propostas para melhorar o que foi apresentado em vez de votar (…) contra” e “descentralizar” a assembleia para as freguesias.

À parte, os socialistas querem ainda que as sessões de Assembleia Municipal sejam transmitidas em direto através do website do município e a criação de um código deontológico na área da conduta Ético-política para os deputados do mesmo órgão.

A última Assembleia Municipal realizou-se na passada sexta-feira e foi a primeira reunião deste órgão com os membros eleitos no passado dia 1 de outubro.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação