Destaque Vila Verde

Política. Vila Verde sem representantes na Comissão Nacional do PSD

(c) Fernando Veludo / Expresso
Redação
Escrito por Redação

Rui Rio já divulgou os nomes que o acompanham na direção do PSD a nível nacional e nem Rui Silva ou José Manuel Fernandes foram incluídos.

Rui Silva, que apoiou desde uma primeira instância a candidatura de Rui Rio, será a grande surpresa a nível de distrito, uma vez que Paulo Cunha, autarca de Famalicão e apoiante da candidatura de Santana Lopes, foi incluído.

No entanto, Rui Silva deverá contar com o apoio de Rui Rio para uma eventual candidatura à Câmara de Vila Verde em 2021, “bloqueando” aspirações de outros possíveis sucessores de António Vilela, como Carlos Cação ou Júlia Fernandes.

Já José Manuel Fernandes, que não mostrou particular interesse no assunto e tem se mostrado mais virado para as políticas europeias, também não foi indicado por Rui Rio, ao contrário do também eurodeputado Paulo Rangel.

Mas não foi só Vila Verde que ficou “esquecida” nas novas listas. As escolhas do novo candidato caíram mal em grande parte dos sociais-democratas presentes no congresso, tendo mesmo “esfriado” a sala quando o anúncio foi feito pela boca do próprio novo líder do PSD.

Os vice-presidentes escolhidos para a Comissão Nacional por Rui Rio são: David Justino, ex-ministro da Educação do Governo de Durão Barroso; Elina Fraga, antiga bastonário da Ordem dos Advogados; Isabel Meirelles, antiga candidata à câmara municipal de Oeiras; Manuel Castro Almeida, antigo secretário de Estado do Desenvolvimento Regional; Nuno Morais Sarmento, ex-ministro da Presidência do Conselho de Ministros do Governo de Durão Barroso e Salvador Malheiro, presidente da Câmara de Ovar e diretor de campanha de Rui Rio. Feliciano Barreiras Duarte será o secretário-geral do partido.

Já no que toca ao Conselho Nacional, e onde JMF e Rui Silva tinham aspirações, o novo líder social-democrata colocou Santana Lopes como número um, seguido do eurodeputado Paulo Rangel, em segundo.

José Matos Rosa, antigo ministro de Cavaco Silva, Arlindo Cunha e Telmo Faria ocupam os restantes lugares cimeiros.  Seguem-se, fechando os primeiros doze lugares, o autarca de Famalicão e apoiante de Santana Lopes, Paulo Cunha, Vítor Martins, Paulo Ribeiro, Rodrigo Gonçalves, Claudia Monteiro de Aguiar, Sara Madruga da Costa e Humberto Luís Fernandes.

Partilhe esta notícia!

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação