Editorial Opinião

Editorial. Altino Bessa – O político todo-terreno

Altino Bessa, vereador do Ambiente da Câmara Municipal de Braga destaca-se cada vez mais pelas iniciativas em que se envolve. Esta última, em resposta ao repto lançado pela aplicação “Semente Sorridente”, fez com que o vereador fosse in loco dar o exemplo a plantar uma árvore no Monte do Picoto em Braga, numa iniciativa que pretende reflorestar as áreas ardidas no fatídico dia 15 de outubro passado. Mas há mais. Muito mais.

Lembro-me que há uns tempos atrás promoveu a utilização de viaturas eléctricas, ao “posar” para o facebook ao volante de um BMW i3 (foi alvo de algumas críticas pela alegada publicidade gratuita), incentivando aos bracarenses a uma mudança de mentalidades no que diz respeito ao ambiente e à sua preservação. Comparemos por exemplo com a Câmara Municipal de Vila Verde em que a viatura de serviço do presidente é um BMW 535d (um dos carros a gasóleo mais potente em circulação e com altas taxas de emissão de CO2).

É um defensor acérrimo da classificação do Mosteiro de Tibães como Monumento Nacional. Luta pela requalificação da linha do Minho.

Das suas diversas iniciativas, vejo-o como um político positivo. Um político com políticas para as pessoas. Quando comparado com o vereador de igual pelouro em Vila Verde, basta nos lembrar do episódio das salmonellas que além de desrespeitar indicações da ARS Norte ainda publicou o seu mergulho nas mesmas águas do Cávado. Fora isso, é um vereador no executivo… pouco mais. Se Bessa é um político que trabalha para as pessoas, Araújo é um político que trabalha para a política. Simple as that!

Incêndios.
Se por um lado há alguma contestação nesta nova ameaça por parte do Governo de que quem não limpar os terrenos serão alvos de multa, o que é certo é que a medida
está a resultar. Basta passear um pouco de carro por Vila Verde para diariamente se vislumbrar várias queimadas. Uma medida feita em cima do joelho mas que, aparentemente, irá ser uma forte medida de prevenção.E parabéns aos nossos bombeiros em Vila Verde: o nosso jornalista, Fernando, acompanhou-os e relatou aqui na redação o sacrifício que fazem em prol das pessoas. Bravo!

Sugeria ainda que se fizesse igual limpeza na Assembleia Municipal, em Vila Verde: há muitas silvas que picam, fazem fogo mas no fundo no fundo, não servem para nada além de esconder animais rastejantes.

Comentários

Acerca do autor

Paulo Moreira Mesquita

Paulo Moreira Mesquita

Diretor Semanário V