Filipe Lopes Opinião

Opinião. “SPAM” político

Filipe Lopes
Escrito por Filipe Lopes

Fazendo uma breve pesquisa pelo Wikipédia sobre o termo “SPAM”, facilmente se percebe o seu significado, ou seja, “é uma mensagem ridícula, sem propósito, e irritante, ou que na sua forma mais popular, é sinónimo de lixo eletrónico e designa mensagens com fins publicitários.”

Em Vila Verde, algumas pessoas, inclusive com responsabilidades políticas, dedicam o seu tempo livre a usar e abusar da imprensa e das redes sociais, quer para o ataque pessoal, quer para o alarme social.

Estas pessoas lutam constantemente pelo domínio da difusão da informação, para se incutir a verdade ou a falsidade que lhes interessa, onde na maioria dos casos a contra-informação é a estratégia para se tentar neutralizar ou mesmo impedir o acesso à informação verdadeira.

Contudo, a verdade existe!

Ainda recentemente, assistimos ao “SPAM” POLÍTICO, com a divulgação do ranking das escolas portuguesas, criando um alarme social nos Vilaverdenses, e onde acusavam o Executivo Municipal de um silêncio ensurdecedor sobre esta questão. Curiosamente foram os mesmos que no dia seguinte vieram repudiar o alarme social criado com este assunto…

“Alguém quer adotar um?”

Esta publicação surgiu através de um político, a propósito de um desfile canídeo integrado na Gala Namorar Portugal, e vinha ilustrada com a fotografia do executivo municipal do PSD. Por parte do autor, resume-se a falta de educação gratuita? Ou será um ataque à Associação para a Defesa dos Animais e Ambiente de Vila Verde? Ou simplesmente, estaremos na presença de um político ressabiado?

Comentários

Acerca do autor

Filipe Lopes

Filipe Lopes

Deputado Municipal do PSD