Vila Verde

Vila de Prado. Tudo a postos para a tradição do Ovo na Ponte

Redação
Escrito por Redação

Está aí à porta uma das mais acarinhadas tradições da Vila de Prado, que anualmente atrai milhares de pradenses e visitantes à margem direita do Cávado. Em noite de Páscoa (que este ano calha a 01 de abril), pelas 24h00, a multidão ruma à Ponte de Prado para encerrar com chave de ouro um dia de enorme simbolismo. É em ambiente de confraternização e alegria que a ponte de Prado recebe uma superstição local. “Aquele que, à meia-noite do dia de Páscoa, sobre ela comer um ovo cozido, passará todo o ano sem ser acometido de dores de cabeça”, reza a lenda. Diz a voz do povo que as cascas do ovo devem ser lançadas sobre o leito do Rio Cávado para que se cumpra a profecia popular.

Com ou sem superstição, a verdade é que os ovos cozidos já tomaram conta do tabuleiro da centenária ponte filipina, tradicionalmente acompanhados com champanhe, num palco de excelência para o encontro de velhos amigos e longas conversas pela noite dentro. A Junta de Freguesia da Vila de Prado volta a apoiar a organização logística do evento e preparou este ano algumas novidades para ajudar a abrilhantar ainda mais a ocasião.

O presidente da Junta de Freguesia da Vila de Prado, Albano Bastos, sublinha a importância de manter vivas as tradições locais, que espelham e reforçam a idiossincrasia das gentes pradenses e, em simultâneo, se assumem como oportunidades soberanas para fortalecer os laços entre a comunidade. O crescimento do evento e da fama que lhe está associada também vem transformando esta tradição num veículo de divulgação da freguesia e do concelho de Vila Verde, um elemento diferenciador de promoção e valorização do território.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação