Vila Verde

Vila de Prado. Faial D’Ouro reabriu ao público

Fernando André Silva

A pastelaria Faial D’Ouro, na Vila de Prado, vítima de incêndio durante um assalto, reabriu ao público na passada sexta-feira, depois do referido incidente no passado dia 21 de dezembro.

Segundo o gerente, Jorge Terra Sousa, a abertura deu-se com normalidade mas com muito “querer” e muita “força” por parte dos proprietários, sendo a abertura saudada pelos habituais clientes, que já vão enchendo o estabelecimento.

Ao Semanário V, o proprietário prefere não recordar o violento assalto de que foi alvo na manhã daquele dia, tendo acabado no Hospital de Braga com um dedo cortado enquanto algumas vitrines da pastelaria arderam em fogo posto por assaltantes.

“Estamos cá com força e prontos para trabalhar, porque é isso que nos move. E agradecemos aos clientes por preferirem o nosso espaço”, refere ainda o gerente.

Ao que o Semanário V apurou junto de fonte das autoridades, a investigação pela busca dos três assaltantes ainda decorre junto da Polícia Judiciária de Braga, não havendo ainda dados públicos sobre a identidade dos suspeitos.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista