Braga

Região. GNR libertou escravos de trabalho rural na Póvoa de Lanhoso

Redação
Escrito por Redação

A GNR da Póvoa de Lanhoso fez cinco detidos e libertou sete trabalhadores que estariam sujeitos a trabalho ‘escravo’ de agricultura.

Segundo foi possível apurar, a GNR efetou esta intervenção na Póvoa de Lanhoso enquanto decorria uma operação semelhante também em Vila Real, havendo suspeitas de os trabalhadores pertencerem a uma rede de tráfico internacional.

Os sete trabalhadores libertados na Póvoa de Lanhoso estariam subnutridos e visivelmente mal-tratados, recebendo assistência médica no local equnato um chegou a ser transportado para o Hospital de Braga.

No âmbito desta operação foram ainda detidas cinco pessoas que serão presentes ao Ministério Público.

Contactada pelo V, fonte da GNR indicou que a operação ainda está em curso.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação