Braga

Saúde. Futuros anestesistas da UMinho com formação no Hospital de Braga

Redação
Escrito por Redação

O Serviço de Anestesiologia do Hospital de Braga e o Laboratório de Aptidões Clínicas da Escola de Medicina da Universidade do Minho organizaram, nos dias 5 e 6 de abril, o III Curso de Introdução à Anestesiologia para Ortopedia. Este curso prático, dirigido a médicos Internos de Formação Específica em Anestesiologia, teve como objetivo facilitar o processo de transição do médico em formação para o universo da especialidade.

21 médicos, que estão a realizar o Internato de Formação Específica em Anestesiologia em vários Hospitais do país, participaram durante dois dias na 3ª edição do Curso “Introdução à Anestesiologia para Ortopedia”, coordenado por Paulo Fragoso do Hospital de Braga e José Miguel Pêgo da Escola de Medicina. Este curso, que se realizou no Hospital de Braga e na Escola de Medicina da Universidade do Minho, pretendeu reforçar e uniformizar a formação teórica de base dos médicos de formação específica em Anestesiologia no decurso do seu estágio.

De acordo com Paulo Fragoso, Anestesiologista do Hospital de Braga e um dos responsáveis pelo Curso, “a anestesia para Ortopedia é uma área muito específica com necessidades e particularidades próprias que a tornam de grande exigência técnica e científica, sendo, por isso, este curso fundamental na formação do médico interno”.

Para além da informação teórica, os formadores partilharam ainda a sua experiência como anestesiologistas em ortopedia e promoveram exercícios práticos. Os formandos tiveram a oportunidade de treinar em cenários de simulação de alta fidelidade que permitiram reproduzir situações reais às quais os médicos internos devem estar preparados, contribuindo, ainda, para aprendizagem de competências técnicas e de liderança.

Esta formação contou com formadores e participantes do Hospital de Braga e, ainda, do Centro Hospitalar de São João, ULS Matosinhos – Pedro Hispano, Centro Hospitalar Tâmega e Sousa – Padre Américo, IPO- Porto, Centro Hospitalar Baixo Vouga – Aveiro, Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/Espinho, Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro e Centro Hospitalar do Alto Ave.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação