Vila Verde

Vila Verde. Letra lança primeira cerveja artesanal em lata. E é uma ‘ruiva’

Redação
Escrito por Redação

Vila Verde é o local escolhido para o lançamento da primeira cerveja artesanal portuguesa em lata, nova aposta da cervejeira Letra. A nova ‘red ale’, batizada “Letra D”, vai ser pirata por “mares nunca antes navegados” e espera evitar naufrágios.

Com o lançamento marcado para este sábado (14), na Letraria, mesmo ao lado da desativada adega municipal que vai virar sala de espetáculos, os cervejeiros, com sede de operações em Vila Verde, querem também dar espetáculo na estreia, com a doçura ‘cheesyfolk’ de Mathilda, estrela ascendente no mundo da música indie nacional.

Sobre a inovação de colocar cerveja artesanal em lata, Filipe Maceira, um dos cervejeiros fundadores aponta “mais uma etapa do crescimento natural e pioneirismo que a Letra tem vindo a registar ao longo dos anos em Portugal.

“Para quem gosta de cerveja, não há nada mais simples do que pegar numa lata, abrir a cápsula e consumir a nossa bebida favorita nas condições ideais. Queríamos trazer algo de novo ao mercado, tal como o fizemos quando apresentámos as nossas cervejas.

Vamos começar com a Letra D, uma cerveja muito popular entre os nossos consumidores”, refere Filipe Macieira,

Filipe Macieira explica ainda que o lançamento da cerveja em lata vai ao encontro da filosofia da marca, que procura contribuir positivamente para o crescimento do setor em Portugal.

A empresa com sede em Vila Verde espera também desbravar terreno que até agora estava apenas ao alcance dos grandes produtores de cerveja.

“Preservar o sabor defendendo-o de forma mais eficaz da luz UV, prolongar a frescura da cerveja ou facilitar o transporte através de um peso menor face a uma garrafa são apenas algumas das vantagens do novo fato da Letra D”

Os pais da nova cerveja, que apontam ainda a resolução de problemas com o transporte.

“Torna o produto menos frágil em relação à utilização das garrafas de vidro, e também ao nível ambiental, pois o alumínio poderá ser totalmente reaproveitado”, explicam.

Na descrição da ‘Letra D’, escolhida para estrear as latas, é uma cerveja avermelhada, com aroma a lúpulos, com um ligeiro sabor a caramelo que se transforma num amargor frutado. Os lúpulos são colhidos no vale de Yakima, nos EUA, refere a empresa.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação