Cultura Vila Verde

Vila Verde. Pico S. Cristóvão em destaque na Agenda Cultural

Redação
Escrito por Redação

O Município de Vila Verde já lançou a edição n.º 54 da Agenda Cultural de Vila Verde. Esta é uma publicação que dá a conhecer as várias atividades culturais, educativas, desportivas, musicais e recreativas promovidas um pouco por todo o concelho.

Nesta edição, a rubrica “O Lugar da História”, dá especial destaque à freguesia de Pico s. Cristóvão, localiza-se a Norte da sede do concelho de Vila Verde, da qual dista 6 km. É delimitada a Norte por Atães e Penascais, a Este por Vilarinho e Sande, a Sul por Coucieiro e Pico de Regalados e a Oeste por Prado S. Miguel. No âmbito da reorganização administrativa do território das freguesias, efetuada em 2013, Pico S. Cristóvão manteve-se inalterada. Esta freguesia estende-se por uma área de 2,05 km2, onde residem 610 habitantes, representando uma densidade populacional de 297,6 hab./km2.

Como é habitual, o presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela, faz a abertura desta edição, onde refere a importância desta Agenda Cultural como meio de promover o concelho de Vila Verde e os seus eventos.

O autarca começa a nota de abertura a falar sobre esta época primaveril e salienta que “estamos já em plena primavera e nunca é demais começar por realçar a beleza do nosso património natural, que nos convida à sua redescoberta e à realização de atividades ao ar livre. São muitos e variados os programas que incluem caminhadas e passeios por trilhos e caminhos pitorescos que nos conduzem pelas povoações rurais cheias de História e de encanto.”

Sobre a atividade cultural do primeiro trimestre de 2018 o edil continua dizendo: “Também em abril, comemoramos os ideais da Liberdade e da República, que tanto significado tem para a sociedade democrática em que vivemos e para o desenvolvimento e afirmação do poder local. Logo a seguir, em maio, destacamos a atividade “Sá de Miranda Por Terras de Vila Verde” com a realização do Sarau Cultural, associado à vida e obra do insigne poeta, também conhecido como ‘Poeta do Neiva’”.

Na nota de abertura António Vilela destaca “a tradição dos maios, assinalada em muitas das nossas comunidades será outra das atividades que marcam a nossa Agenda durante este mês. Em junho, abrimos com a comemoração do Dia Mundial da Criança e prosseguimos com as tradicionais Festas Concelhias em honra de Santo António e muitas outras festas populares que perpetuam a identidade cultural que nos une”.

O autarca refere ainda que “ntretanto, há que registar e enaltecer as atividades culturais propostas pelas associações e coletividades, juntas de freguesia, estabelecimentos de ensino ou, até mesmo, levadas a cabo por grupos informais, e que vão de encontro aos diferentes públicos”..

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação