Vila Verde

Vereador do PS responde a Carlos Cação apelidando-o de “virgem ofendida”

(c) FAS / Semanário V
Redação
Escrito por Redação

O vereador do PS de Vila Verde, Luís Castro, respondeu às críticas lançadas hoje pelo presidente da UF do Vade, Carlos Cação, que acusou os socialistas de “objetivos dúbios” aquando da divulgação das verbas de transferências correntes para as freguesias, lista essa liderada pela UF do Vade.

Segundo o colega de vereação de José Morais, alvo direto das críticas do autarca, o único objetivo da publicação da lista com as transferências para as freguesias era “dar total transparência à gestão municipal” referente a essa matéria.

Luís Castro diz que José Morais, ao publicar a lista, não fez qualquer comentário sobre a matéria, tendo feito apenas a publicação de forma informativa, deixando ainda no ar que “nem sempre a transparência das coisas relacionadas com a gestão pública é bem vista por todos”.

O vereador, em jeito irónico, deixa a questão sobre “o que será quando for divulgada a listagem dos ajustes diretos” e qual será “a reação (das virgens ofendidas)” quando for conhecido “à minúcia, os ajustes diretos celebrados com a Câmara de Vila Verde”.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação