Cultura Vila Verde

Cultura. Eduardo Cardinho trouxe o novo jazz a Vila Verde

Eduardo Cardinho na Biblioteca de Vila Verde (c) Luís Ribeiro / Semanário V
Redação
Escrito por Redação

Eduardo Cardinho, promessa e estrela em ascensão no panorama do jazz português, atuou esta noite de quinta-feira na Biblioteca de Vila Verde, a convite da associação cultural Bullire para a segunda edição do “ACORDES”.

Com entrada livre, foram dezenas de pessoas que foram ouvir o elemento do coletivo “Home”, venceu o prémio melhor grupo na categoria jazz na 30.ª edição do Prémio Jovens Artistas 2016.

Licenciado em Jazz pela ESMAE (Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo) com média final de 19 valores, Eduardo Cardinho destacou-se ao conquistar vários concursos na sua área de especialidade, com particular destaque para o Concurso Internacional em Fermo, Itália, e a distinção enquanto Melhor Instrumentista na Festa do Jazz do São Luiz em 2014.

Segundo a associação Bullire, o “ACORDES” pretende realizar concertos regulares de música clássica, jazz ou alternativa, com o objetivo de proporcionar maior oferta cultural no concelho de Vila Verde, valorizando e promovendo músicos locais e músicos em ascensão.

 

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação