Desporto Vila Verde

António Barbosa: “Amanhã vamos ser o Vilaverdense que apaixonou uma vila”

Mafra 2-1 Vilaverdense (c) Paulo Moreira Mesquita
Redação
Escrito por Redação

António Barbosa, treinador do Vilaverdense FC, acredita na recuperação da desvantagem de 1-2 trazida de Mafra, para o jogo deste domingo, no Cruz do Reguengo, para a segunda-mão da eliminatória que dá acesso à próxima fase do playoff de subida à II Liga.

“Sentimos que temos o conhecimento do que o adversário pode fazer e, essencialmente, das nossas missões e do que temos de fazer e aquilo que não fizemos”, refere António Barbosa, mostrando confiança.

“Sabemos como vamos bloquear o adversário, levá-lo de vencida e ultrapassar esta eliminatória”, diz ainda, apontando um Vila “com forte personalidade”. “O que vamos fazer é ter um Vila com forte personalidade e empenho, que vai impor jogo, jogar e ser o Vilaverdense que apaixonou uma vila”, diz, revelando que quando os jogadores passam pela vila “já percebem o apoio das pessoas”.

“É uma equipa que luta, trabalha e tem um caráter muito grande, um conjunto de jogadores do tamanho dos seus sonhos que acreditam que vencer é sempre possível”, acrescenta o técnico que acredita nos homens como quem acredita “em Deus ou Alá”.

“Esta equipa tem um conjunto de jogadores que acreditam em Deus, ALá… Eu acredito neles, nos nossos homens e vale a pena estar com eles. Vila é de Vilaverdense e Vilaverdense é da vila. Cada passo que fazem sentimos que são os adeptos que o estão a fazer. Sonhámos todos juntos e agradecemos o apoio e acreditámos que vamos ter uma casa cheia de pessoas a ajudar. Se vieram connosco até ao fim, acreditamos que é possível”, finaliza António Barbosa.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação