Braga Destaque

Crime. Larápios roubam 300 mil euros em ouro numa joalheria de Braga

(c) FAS / Semanário V
Fernando André Silva

A ourivesaria Carlos Pires, na rua do Souto, em Braga, foi assaltada durante esta madrugada por dois indivíduos encapuzados que levaram um apuro de cerca de 300 mil euros em ouro.

Segundo disse o proprietário ao Semanário V, por volta das 5h da manhã, recebeu um telefonema da central de alarmes a dar conta do sucedido.  “Quando cheguei tinha a fachada da frente da porta metida dentro e o vidro partido. A parte da grade interior estava desfeita com um buraco, que foi por onde um indivíduo entrou e o outro ficou à porta”, conta Carlos Pires.

As primeiras impressões da PSP de Braga, que foi ao local, é que os larápios terão utilizado um carro alto, metendo a viatura “de esquina” para arrombar a porta. A ourivesaria tem sistema de videovigilância mas não dá para perceber se realmente foi utilizado uma viatura.

“Eles colocaram pilaretes com cadeados para impedir a entrada de outras pessoas e partiram as montras, roubaram o ouro”, diz o proprietário que aponta entre 200 a 300 mil euros de prejuízo. “Levaram o ouro e deixaram ficar a prata, um valor de 15 mil euros foi o que ficou”, refere o comerciante que não tinha seguro.

“Este foi o primeiro assalto que sofremos, já estamos com esta loja aqui há cinco anos”, aponta ainda.

Já foi apresentada queixa junto da Polícia Judiciária que está a investigar.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista