Braga Destaque

Economia. Ministro inaugurou hotel Vila Galé Braga

(c) Mariana Gomes / Semanário V
Mariana Gomes
Escrito por Mariana Gomes

Com mais de cinco séculos de história, o antigo Hospital São Marcos deu vida ao novo hotel Vila Galé Braga, que abriu portas aos bracarenses e turistas este sábado, depois de um investimento total de seis milhões de euros na reabilitação do edifício.

O espaço foi inaugurado pelo ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, e contou com a presença do Presidente do grupo hoteleiro Vila Galé, do provedor da Santa Casa da Misericórdia de Braga, do Arcebispo Primaz de Braga, e do Presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio.

Situado no coração de Braga, o espaço oferece dois restaurantes, bar, Spa, sala de massagens, ginásio, piscina interior aquecida, uma adega e 123 quartos, 15 dos quais suites, tendo cada quarto o nome de um arcebispo, em forma de homenagem. O exterior do hotel conta com jardins, parque infantil, piscinas para crianças e adultos e um claustro com elevador panorâmico. Além disso, o hotel irá receber, também, congressos, reuniões, eventos, casamentos, batizados e outros tipos de festas.

O grupo Vila Galé procurou manter os aspetos arquitetónicos do edifício, de forma a preservar “um monumento com história e com vida”, que marcou várias gerações. O requinte e a hospitalidade foram as principais apostas do grupo hoteleiro neste novo espaço da cidade. O Presidente do grupo Vila Galé teceu inúmeros elogios à cidade, que é, cada vez mais, um destino turístico de eleição. “Este hotel foi feito em Braga e para Braga. É uma cidade extraordinária, porque tem um grande dinamismo empresarial”, refere o administrador do grupo.

Caldeira Cabral, além de louvar o esforço e o trabalho na aposta no turismo, descreve Braga como “uma cidade sempre em festa” e “um exemplo daquilo que tem de ser feito no país: recuperar o centro histórico das cidades, porque temos de ter em conta que é preciso preservar a autenticidade das cidades”.

Sendo o novo hotel um fator de atração turística no centro da cidade, o ministro da Economia assegura que “este é um hotel que não só está no centro histórico, mas que valoriza o centro histórico e que coloca quem quer ter uma experiência de Braga no centro da história”.

Ricardo Rio revelou, ainda, que o hotel Vila Galé Braga tem todas as condições para ser candidato ao prémio de Reabilitação Urbana do próximo ano. Braga “é uma cidade revigorada, atrativa, uma cidade que aposta no dinamismo, que, manifestamente, possibilita, também, todo este conjunto de transformações em todos os setores de atividade e de forma muito especial em todas as dimensões da nossa atividade económica”, afirma o presidente da Câmara de Braga, acrescentando que o hotel “é uma unidade económica ligada ao setor turístico e sente-se em todas as unidades hoteleira, os aumentos da taxa de ocupação, da permanência, da rentabilidade”, resultado da procura crescente que a cidade tem tido no setor turístico.

O evento contou com uma missa inaugural e, após a vistia aos espaços do hotel, que emprega cerca de 50 pessoas, a inauguração terminou com direito a cocktail e jantar para os convidados.

Comentários

Acerca do autor

Mariana Gomes

Mariana Gomes

Jornalista