Braga

Saúde. Cinco por cento das crianças de Braga são sobredotadas

Cerca de 50 crianças e jovens da delegação de Braga da Associação Nacional para o Estudo e Intervenção na Sobredotação (ANEIS), realizaram este sábado uma caminhada entre Lamaçães e o Santuário do Bom Jesus, fazendo depois uma subida do escadório.

A iniciativa partiu de um convite feito pela clínica de nutrição Nutrémia, situada junto ás piscinas da rodovia, e está inserida na programação de atividades de enriquecimento realizado aos sábados, em parceria.

Cristina Palhares, coordenadora da delegação de Braga da ANEIS, explicou ao Semanário V que estas atividades “enriquecem e desenvolvem as crianças com caraterísticas de sobredotação”.

Segundo a coordenadora, estima-se que 5% da população estudantil de Braga tem sobredotação, ou seja, uma maior facilidade de aprendizagem. A mesma coordenadora salienta também que o número inverso é proporcional, sendo também 5% que detêm dificuldades de aprendizagem.

“Alguns dos nossos jovens com sobredotação até têm más notas na escola, mas têm outras capacidades que não são aproveitadas da melhor maneira pelas escolas. É importante o acompanhamento destes jovens e também o acompanhamento aos pais, que têm falta de apoio”, refere Cristina Palhares, elogiando a parceria com a Nutrémia.

“Hoje viemos nesta caminhada a convite da Nutrémia, que tenta sempre proporcionar um sábado diferente a estes alunos, enquanto vai fazendo o acompanhamento nutricional e físico”, diz a coordenadora da ANEIS.

Já Teresa Campos, nutricionista e responsável pela Nutrémia, apontou ao V que este trabalho “procura promover hábitos saudáveis em idades mais precoces”. “Nós acompanhamos semanalmente o desgaste destas crianças e adolescentes. Promovemos algum exercício físico e daí termos proposto esta caminhada”, refere.

Da Nutrémia, e para além de Teresa Campos, nutricionista, participaram ainda um preparador físico, um psicólogo e um osteopata. A atividade está inserida na programação Braga – Cidade Europeia do Desporto 2018.

 

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo