Cultura Destaque Vila Verde

Rancho Folclórico Santa Eulália de Cabanelas. Há 37 anos a dar no “folk”

Fernando André Silva

O Rancho Folclórico Santa Eulália de Cabanelas celebrou este domingo o 37.º aniversário com a habitual romagem ao cemitério para homenagear os elementos já falecidos e com uma Eucaristia na igreja paroquial local com animação vocal e instrumental do próprio grupo.

Marco histórico da freguesia, este é já um dos ranchos mais antigos da região de Braga, composto por 45 elementos que se dividem entre cantadeiras, dançadores e instrumentistas, que passam pelas concertinas e pelos instrumentos de cordas.

O Semanário V falou com o presidente do rancho sobre as atividades realizadas no aniversário, tendo aquele grupo, como habitualmente, dinamizado ainda  o parque de merendas do Passal, em Cabanelas.

“A propósito do aniversário do grupo foi celebrada uma missa pelo padre Dayakar e a animação foi entregue a nós”, aponta Nuno Queirós, explicando que a adesão à Eucaristia foi “forte”. “Somos um grupo muito acarinhado na freguesia e isso faz com que as pessoas apareçam nestes eventos”, refere o presidente do grupo, que é composto maioritariamente por elementos da freguesia, mas também de terras vizinhas.

Quem também marcou presença no aniversário do grupo foi Júlia Fernandes, que destacou a vivacidade e dinamismo do grupo, que presenteou a vereadora da Cultura com danças típicas à moda do rancho de Cabanelas. Júlia Fernandes destacou a vivacidade e dinamismo do grupo e tudo o que fazem em prol da cultura na freguesia e no concelho de Vila Verde.

Também o presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela, esteve presente nas celebrações, deixando um agradecimento ao grupo em nome do município pelo contributo à cultura e preservação das tradições minhotas.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista