Braga Destaque

Património. Frigideiras do Cantinho já tem “azulejo inteligente”

(c) Mariana Gomes / Semanário V
Mariana Gomes
Escrito por Mariana Gomes

Foi aplicado esta tarde, nas Frigideiras do Cantinho, o primeiro azulejo inteligente da cidade de Braga, que permite conhecer a história do estabelecimento, apenas com a aproximação do telemóvel.

O projeto Comércio Nosso está focado na inovação tecnológica, cultural e social e, com o azulejo inteligente, “pretende contar a história dos estabelecimentos comerciais que influenciam a economia das cidades”, explica a responsável do departamento comercial do Norte, Sandra Regala.

“Trata-se de um azulejo que é colocado na fachada dos estabelecimentos comerciais e que permite a interação com o mesmo. É considerado um azulejo inteligente, porque através do uso dos dispositivos móveis, conseguimos aceder a toda a informação da casa e à história do estabelecimento”.

Com o objetivo de impulsionar o comércio, o azulejo inteligente já está implementado em mais de 250 estabelecimentos comerciais em Lisboa, Porto, Aveiro, São João da Madeira e, agora, em Braga. Este projeto visa “a promoção e a valorização do comércio tradicional”, afirma Rui Marques, diretor geral da ACB, acrescentando que esta tecnologia abrange outro tipo de clientes que, de outra forma seria mais complicado alcançar.

Este azulejo permite a turistas conhecer a cidade e os locais turísticos ao disponibilizar “um conjunto de histórias sobre estabelecimentos que já são de interesse público, pela sua história, pela sua inovação, pelo seu conceito”.

A Câmara de Braga associou-se a este projeto com o objetivo de promover e dinamizar o comércio e a economia da cidade. De acordo com António Barroso, adjunto da presidência da Câmara de Braga, “este projeto traz tecnologia e inovação a espaços mais antigos e é uma forma mais direta e acessível de ter no bolso essa informação”.

A proposta para a implantação do azulejo inteligente nas Frigideiras do Cantinho surgiu da Associação Comercial de Braga. O gerente do estabelecimento, Fernando Areias, afirma que esta é “uma ferramenta fundamental”, que permite “aproximar o futuro do presente, com meios modernos e fáceis de aderir”.

Em Braga, além das Frigideiras do Cantinho, também o ‘Mundo do Desporto’ e a ‘Antónios’ aderiram ao azulejo inteligente. Este projeto é uma parceria da Associação Comercial de Braga, com o Município de Braga e o Comércio Nosso.

Comentários

Acerca do autor

Mariana Gomes

Mariana Gomes

Jornalista