Braga Destaque

Braga. Vai de férias? Não se esqueça de avisar a PSP

DR
Redação
Escrito por Redação

Está em marcha o plano “Verão Seguro – Chave Direta” levado a cabo pela Polícia de Segurança Pública (PSP) que consiste numa vigilância mais assídua às residências que aderirem, durante o período em que as mesmas ficam temporariamente desabitadas.

Em comunicado, a PSP de Braga aconselha os cidadãos que fiquem com as casas nessa situação a contactarem aquela esquadra a fim das patrulha
s verificaram se as portas e janelas estão intactas ou se houve alguma tentativa de arrombamento.

Para que nada condicione os dias de descanso dos cidadãos, aquela esquadra deixa ainda alguns conselhos que passam pelas visitas regulares de alguém à habitação, de forma a abrir regularmente persianas e cortinados durante o dia e ligar alguma iluminação interior à noite.

“Não diga a estranhos que vai de férias, feche bem as portas e janelas, não deixe acumular correspondência e guarde tudo de valor em lugar seguro”, são outros dos conselhos para que passe umas férias sossegado.

Segurança rodoviária

Se vai viajar de automóvel, a PSP deixa também alguns conselhos, recordando que a segurança começa na fiabilidade do seu automóvel.

“É indispensável verificar as condições de segurança do seu veículo, especialmente o estado dos pneus, as pastilhas, os travões, a direção, os amortecedores, o estado dos para-brisas e o funcionamento das luzes e dos faróis. Não se esqueça também do triângulo e do colete refletor, que devem estar junto do condutor”, diz aquela esquadra relembrando o acondicionamento da bagagem, que deve estar distribuído de forma a haver maior estabilidade do veículo.

Outro fator que também deve ter em conta ao longo da viagem é fazer paragens regulares, mesmo que não se sinta cansado. Evite manobras perigosas e não exceda os limites de velocidade.

A PSP aconselha ainda a não ingerir bebidas alcoólicas e não tome medicação que possa interferir nos seus sentidos.

“Antes de se ausentar da sua residência, comunique-nos e boas férias. Manteremos a sua residência sob vigilância policial”.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação