Destaque Vila Verde

Mulher desaparecida em Vila Verde ‘apanhou’ táxi para Matosinhos

Arquivo / GNR
Redação
Escrito por Redação

Já foram suspensas as diligências pela procura de uma mulher de 86 anos que tinha sido dada como desaparecido pelo marido, a meio da manhã deste domingo.

Fonte do comando distrital da GNR de Braga confirmou ao Semanário V que, apesar das medidas tomadas pela GNR em coordenação com os Bombeiros de Vila Verde para tentar localizar a mulher no centro urbano da vila e também na zona do Alívio, a dada como desaparecida afinal estaria já em casa, em Matosinhos.

“Terá sido uma descoordenação entre familiares e o marido da senhora. Ela tinha ido para casa e ele não terá percebido e pediu ajuda. Foram tomadas da nossa parte as devidas diligências para encontrar a senhora e constatámos que estava em segurança”, disse a mesma fonte.

O casal estaria de visita a familiares neste domingo, havendo relatos de que a octogenária terá estado numa pastelaria em Vila Verde pelas 10h30, não voltando à viatura onde estaria o marido à espera.

Alarmado, o homem procurou a mulher pelo centro da vila passando em frente ao quartel dos bombeiros, pedindo ajuda. De lá, deslocou-se à GNR, tendo a mesma iniciado uma busca “informal” em conjunto com os bombeiros.

Entretanto, e depois de algumas horas de insistência, o telefone de casa do casal, de Matosinhos, foi atendido pela própria mulher, que terá explicado a um militar do posto da GNR de Vila Verde que se deslocou para casa de Táxi.

A mesma fonte da GNR adiantou ao V que, dadas as circunstâncias, não foi registado como uma ocorrência.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação