Destaque

Mulher desaparecida em Vila Verde ‘apanhou’ táxi para Matosinhos

Já foram suspensas as diligências pela procura de uma mulher de 86 anos que tinha sido dada como desaparecido pelo marido, a meio da manhã deste domingo.

Fonte do comando distrital da GNR de Braga confirmou ao Semanário V que, apesar das medidas tomadas pela GNR em coordenação com os Bombeiros de Vila Verde para tentar localizar a mulher no centro urbano da vila e também na zona do Alívio, a dada como desaparecida afinal estaria já em casa, em Matosinhos.

“Terá sido uma descoordenação entre familiares e o marido da senhora. Ela tinha ido para casa e ele não terá percebido e pediu ajuda. Foram tomadas da nossa parte as devidas diligências para encontrar a senhora e constatámos que estava em segurança”, disse a mesma fonte.

O casal estaria de visita a familiares neste domingo, havendo relatos de que a octogenária terá estado numa pastelaria em Vila Verde pelas 10h30, não voltando à viatura onde estaria o marido à espera.

Alarmado, o homem procurou a mulher pelo centro da vila passando em frente ao quartel dos bombeiros, pedindo ajuda. De lá, deslocou-se à GNR, tendo a mesma iniciado uma busca “informal” em conjunto com os bombeiros.

Entretanto, e depois de algumas horas de insistência, o telefone de casa do casal, de Matosinhos, foi atendido pela própria mulher, que terá explicado a um militar do posto da GNR de Vila Verde que se deslocou para casa de Táxi.

A mesma fonte da GNR adiantou ao V que, dadas as circunstâncias, não foi registado como uma ocorrência.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo