Destaque Vila Verde

Junta de Vila Verde e Barbudo com ‘app’ para reportar ocorrências

Arquivo / Luís Ribeiro / Semanário V
Redação
Escrito por Redação

Os habitantes da freguesia de Vila Verde e Barbudo, no concelho de Vila Verde, já podem reportar qualquer tipo de situação à Junta de Freguesia através da ‘app’ ‘JuntarAJunta’.

Em comunicado, aquele executivo informa que a freguesia já se encontra inscrita naquela plataforma virtual e está agora disponível para receber qualquer informação sobre sugestões ou reclamações por parte dos cidadãos. A aplicação serve ainda para veicular informação relativamente à atividade e decisões da autarquia.

Esta aplicação, criada em Braga, foi lançada poucos dias após as eleições autárquicas de 2017, com a função de “aproximar os cidadão do poder local” e reportar problemas concretos de forma “rápida e sem burocracias”.

Rute Maia, uma das criadoras da aplicação, explicou que a ideia surgiu da “enorme dificuldade” que um dos cofundadores da ‘startup’, Ricardo Carvalho, sentiu para entrar em contacto com a sua junta de freguesia a fim de resolver uma questão pessoal.

“No fundo, juntamos a experiência negativa que o Ricardo teve, ao sentir tantas dificuldades em interagir com uma junta de freguesia, ao meu trabalho de mestrado, no qual explorei as alternativas de participação política, sobretudo no contexto dos ‘smartphones’ e das cidades inteligentes, e assim foi criada esta aplicação inovadora que liga as pessoas ao poder local de uma forma simples”, explicou.

A opção passou por desenvolver a aplicação “vocacionada para as juntas de freguesia”, não incluindo as câmara municipais porque, explicou a responsável, “a ligação do cidadão à junta é muito mais próxima do que à câmara, há mais proximidade e está mais desenvolvido o espírito de comunidade num meio mais pequeno como uma freguesia do que num município”.

A “JuntarAJunta” permite ao utilizador “remeter a participação de um problema concreto que precisa de ser resolvido, descrevendo essa situação ou juntando fotos, a qualquer junta de freguesia de Portugal Continental e ilhas, escolhendo entre 22 opções, como acessibilidade, iluminação, estacionamento, jardins e limpeza”.

Uma vez inseridos os dados, explanou Rute Maia, “o ‘report’ é reencaminhado diretamente para a junta a que se refere a denúncia, se esta já tiver aderido à aplicação”. Caso a junta em questão não faça parte da aplicação, são os próprios criadores da aplicação que entram em contacto com ela.

A ‘JuntarAJunta’ está disponível para Android e iOS.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação