Destaque Vila Verde

Câmara de Vila Verde vai pedir empréstimo de três milhões de euros

António Vilela (c) FAS / Semanário V
Redação
Escrito por Redação

A Câmara de Vila Verde vai levar a reunião de executivo a proposta de contração de empréstimo de 3.278.499,13 euros para aplicação em investimentos.

De acordo com documento a que o V teve acesso, este empréstimo vem complementar o financiamento europeu para as obras que já iniciaram e devem estender-se até 2019.

Segundo o município, as candidaturas já aprovadas têm um custo de mais de 13 milhões de euros, sendo que perto de oito milhões são comparticipados pela Comissão Europeia.

Segundo o executivo liderado por António Vilela,  para os cinco milhões restantes, “existe necessidade de contração de empréstimo de médio e longo prazo para financiamento da contrapartida nacional do investimento municipal”.

Este empréstimo, que é o valor máximo, é financiado pela Linha de Crédito BEI do Portugal 2020, tendo sido, segundo o município, proposto pelo a Associação Nacional de Municípios Portugueses, indo agora a votação na próxima reunião de executivo da Câmara de Vila Verde.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação