Braga Destaque

Comércio. Ainda não é desta que Braga vai ter um Hard Rock Cafe

Braga c) FAS / Semanário V
Fernando André Silva

Tomou-se como uma verdade mas não é. Durante as últimas semanas um dos temas de conversa dos bracarenses que habitualmente frequentam o centro histórico da cidade era a abertura de um “Hard Rock Cafe” num dos edifícios que compõe o aglomerado junto ao antigo Castelo de Braga, conhecido como “Largo da Arcada”. O facto do edifício que albergava uma conhecida sapataria ter entrado em obras de restauro há poucas semanas ajudou a que o “boato” se espalhasse, tanto pelo boca-a-boca como nas redes sociais.

Pelo que apurou o Semanário V junto de fonte da autarquia bracarense, este restauro vai albergar sim uma Unidade de Alojamento Local (UAL), e não o mítico café-museu. “De facto constou-se que este edifício seria o ideal para albergar um Hard Rock, mas foi só alguém que sugeriu e a palavra acabou por ir passando de boca em boca que começaram a achar que seria mesmo esse o novo uso daquele edifício”, disse a mesma fonte.

O assunto provocou até algumas críticas por parte de habituais frequentadores do centro histórico que reclamam por um restauro ordeiro e que sejam salvaguardadas algumas peças do antigo Castelo de Braga que possam ser encontradas durante escavações feitas no local.

Descobertas arqueológicas à parte, para que o ‘sonho’ de alguns bracarenses de ver um Hard Rock no meio da cidade são necessários, pelo menos, 5 milhões de euros para assegurar os requisitos para o franchising da marca que até admite, no seu website, estar à procura de mais investimento em Portugal.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista