Braga Destaque

Braga. Trabalhadores da Telepizza vão reunir junto à garagem do condutor homicida

Redação
Escrito por Redação

Um grupo de trabalhadores da Telepizza da loja do Retail Center, em Braga, vão homenagear o colega que foi fatalmente abalroado por um automóvel na última semana. Os trabalhadores pedem a comparência de todos os interessados nesta homenagem.

Numa publicação através das redes sociais, os colegas pedem para que os interessados em homenagear João Silva, que tinha 23 anos e era estudante de engenharia na Universidade do Minho, comparecem junto à garagem onde o condutor terá tentado esconder o carro depois do sinistro fatal.

O encontro é na próxima quinta-feira, pelas 9h da manhã e é motivada pela fuga do condutor do Mercedes. “Se ele não teve coragem em dar a cara, nós temos e vamos lá”, dizem os colegas, que querem mostrar à família que “não está sozinha nesta batalha”.

“Queremos justiça. Ajudem-nos a gritar bem alto para que isto não passe em claro”, apelam ainda os trabalhadores da Telepizza.

João Silva perdeu a vida na passada sexta-feira depois de ter sido abalroado por uma viatura conduzida por um homem de 61 anos que tinha uma TAS de 1,582 g/l no sangue. O condutor encetou fuga, não sem antes ainda ter derrubado parte da cerca da Volvo, na EN 101, entre Real e São Vicente.

O homem foi detido por agentes da PSP de Braga junto à garagem onde decorrerá esta homenagem e acabou por ser libertado pelo Tribunal com medida de coação de Termo de Identidade e Residência, enquanto aguarda julgamento.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação