Desporto Destaque Vila Verde

Canoagem. Hélder Silva pondera terminar carreira de atleta

Redação
Escrito por Redação

O canoísta pradense Hélder Silva, anunciou hoje que há uma forte probabilidade de ter participado numa prova de alta competição como atleta pela última vez.

Em declarações aos jornalistas, o também militar da GNR explicou que é muito provável que esta tenha sido mesmo a última prova que participa como canoísta, deixando, no entanto, a porta aberta para trabalho de formação.

“Se me derem a oportunidade gostava de ajudar a nível de formação, passar aquilo que fui aprendendo na canoagem ao longo da vida”, disse o atleta à imprensa presente nos mundiais de Montemor-o-Velho neste domingo.

“Em princípio será última prova da minha carreira. Talvez. Vamos ver. Vou pensar. Se for a última, espero ter a oportunidade em outras tarefas. Trabalhar (na federação) com outros atletas. Tentar ensinar o que aprendi nestes anos todos”, disse o atleta de 31 anos.

Em declarações à Lusa, o militar da GNR assumiu que o facto de a distância olímpica ter passado dos 200 para os 1.000 metros constituiu uma “machadada” na sua carreira e de muitos outros atletas, já que as duas distâncias exigem características bem distintas.

Recorde-se que o atleta da Vila de Prado conquistou vários títulos nacionais e internacionais ao longo da carreira sendo um dos melhores canoístas do mundo [algo confirmado hoje ao terminar a principal final mundial dos 200 metros em sexto], tendo participado nos Jogos Olímpicos de 2016.

O atleta é, a par de Emanuel Silva, João Ribeiro e Fernando Pimenta, um dos nomes grandes do desporto no norte do país.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação